ptenfrdeitrues

Site In English França

domingo, maio 26, 2019
Você está aqui:História Militar»O CARRO DE COMBATE NO EXÉRCITO PORTUGUÊS
segunda, 11 março 2019 16:21

O CARRO DE COMBATE NO EXÉRCITO PORTUGUÊS Destaque

Escrito por
Classifique este item
(0 votos)

A introdução de um Carro de Combate em Portugal deveu-se a uma comissão criada com indivíduos especializados para estudarem a aquisição de material blindado. Os primeiros Carro de Combate foram adquiridos à fábrica inglesa Vickers, com a designação de carros de assalto “VickersCarden-Loyd”.

No total foram trazidos 2 Carro de Combate para Portugal. Um dos carros designava-se “Carro de Combate macho”, possuía uma peça de 47mm e uma metralhadora 7,7mm. O outro carro era designado por “Carro de Combate fêmea” e continha duas metralhadoras 7,7mm. Eram apelidados de “República” e “Portugal”, respectivamente, e equiparam o Batalhão de Caçadores 5. Durante a II Guerra Mundial, entre 1942-1943 foram adquiridos os Carro de Combate Valentine, de origem inglesa.

 

Em 1945 foram adquiridos Carro de Combate Centauro, igualmente de origem inglesa (Maia, 1987). Após o fim da II Guerra Mundial e com a criação da Organização do Tratado do Atlântico Norte (NATO), em 4 de Abril de 1949, Portugal, como país fundador e devido aos acordos estabelecidos com os Estados Unidos da América pela utilização da Base das Lajes, adquiriu Carro de Combate, desde 1952 até 1992, de origem Norte-americana.

Em 1952, ano de entrada ao serviço do Carro de Combate M47, é de realçar que, tanto Portugal como os Estados Unidos da América, ambos países tinham este Carro de Combate como meio orgânico principal e assim foi mantido durante muitos anos. Em 1977, quando a situação política de Portugal era estável entrou ao serviço o Carro de Combate M48A5. A entrada ao serviço de 80 Carro de Combate M60 A3TTS deu-se em 1992.

Como características gerais, este último Carro de Combate possui uma peça estriada de 105mm e tem uma guarnição de 4 homens. Ainda hoje se encontra ao serviço do Exército Português e equipa o 3º Esquadrão de Carros de Combate (ECarro de Combate) do Grupo de Carros de Combate (GCarro de Combate)4 (Rodrigues, 2003).

Em 2008, entrou ao serviço 37 Carro de Combate Leopard 2 A65 . Portugal volta a ficar equiparado a outros Exércitos, até à altura mais desenvolvidos no que toca a este tipo de sistemas de armas. É de origem alemã, mas foi adquirido à Holanda. Também é considerado por muitos especialistas o melhor Carro de Combate do mundo. Como características gerais, contém uma peça de 120mm de alma lisa, tem igualmente uma guarnição de 4 elementos.

Ler 160 vezes Modificado em segunda, 11 março 2019 23:00

Deixe um comentário

Make sure you enter all the required information, indicated by an asterisk (*). HTML code is not allowed.

Parceiros Educacionais

National Geographic   Discovery Channel    

Parceiros Tecnológicos


Teksmartit     IB6 WS CONSULTING

Usamos cookies para melhorar nosso site e sua experiência ao usá-lo. Os cookies utilizados para o funcionamento essencial deste site já foram definidos. To find out more about the cookies we use and how to delete them, see our privacy policy.

  I accept cookies from this site.
EU Cookie Directive Module Information