ptenfrdeitrues

Site In English França

terça, dezembro 10, 2019
Você está aqui:Mundo Desconhecido»Mistérios»Chronovisor
domingo, 29 julho 2018 15:52

Chronovisor Destaque

Escrito por
Classifique este item
(0 votos)

O chronovisor teria sido um observador de tempo funcional descrito pelo padre François Brune no seu livro Le Nouveau mystère du Vatican ("O novo mistério do Vaticano") de 2002. Brune é o autor de vários livros sobre o paranormal e religião.

No livro, Brune relata que o chronovisor foi construído por Pellegrino Ernetti (1925-1994), um padre e cientista italiano. Embora o padre Ernetti fosse uma pessoa real, a existência ou funcionalidade do chronovisor nunca foi confirmada; suas alegadas capacidades lembram fortemente o visualizador de tempo fictício que aparece na novela de ficção científica de 1947 de T. L. Sherred, E for Effort.

Antecedentes

No início dos anos 1960, o padre Ernetti começou a estudar os escritos de François Brune, ele próprio um sacerdote católico e escritor. Ernetti supostamente acabou ajudando o padre Brune a construir a máquina como membros de uma equipa que incluía doze cientistas mundialmente famosos. Ele identificou dois deles como Enrico Fermi e Wernher von Braun. O chronovisor foi descrito como um grande gabinete com um tubo de raios catódicos para visualizar os eventos recebidos e uma série de botões, alavancas e outros controles para seleccionar a hora e a localização a ser visualizada. Também pode localizar e rastrear indivíduos específicos. Segundo seu inventor, funcionava recebendo, descodificando e reproduzindo a radiação electromagnética deixada por eventos passados. Podia pegar o componente de áudio ou ondas sonoras emitidas por esses mesmos eventos.

Ernetti não tinha provas concretas dessas afirmações. Ele disse que havia observado, entre outros eventos históricos, a crucificação de Cristo e fotografado também. Uma cópia dessa imagem, disse Ernetti, apareceu na edição de 2 de Maio de 1972 da La Domenica del Corriere, uma revista de notícias semanal italiana. Uma foto quase idêntica (imagem de espelho), no entanto, de uma escultura em madeira do escultor Lorenzo Coullaut Valera apareceu e conseguiu colocar em dúvida a afirmação de Ernetti.

Usando o chronovisor, Ernetti disse que testemunhou, entre outras cenas, uma performance em Roma em 169 aC da tragédia perdida, Tiestes, pelo pai da poesia latina, Quinto Ênio. A Dra. Katherine Eldred, da Universidade de Princeton, é a autora de uma versão em inglês do texto incluída como um apêndice à publicação do livro sobre o chronovisor de Peter Krassa . O Doutor Eldred acredita que o próprio Padre Ernetti escreveu a peça supostamente antiga. Como fornecido por um parente anónimo do Padre Ernetti, houve uma confissão no leito de morte, incluída na edição norte-americana da peça, de que Ernetti havia escrito o texto da peça e que a "foto" de Cristo era de facto uma "mentira". De acordo com a mesma "fonte", no entanto, Ernetti também afirmou que a máquina era genuinamente funcional.

O padre Brune, no entanto, não acredita na "confissão" de Ernetti e está convencido de que as autoridades haviam coagido Ernetti a fazer uma falsa confissão.

A suposta existência do chronovisor tem alimentado toda uma série de teorias conspiratórias, [tais como] de que o dispositivo foi apreendido e é realmente usado pelo Vaticano ou por aqueles que secretamente controlam governos e suas economias em todo o mundo.

Referências

Fontes

  • Krassa, Peter (2000) [1997]. Father Ernetti's Chronovisor: The Creation and Disappearance of the World's First Time Machine. Pasadena, CA: New Paradigm Books. ISBN 1-892138-02-6OCLC 43671848.

 

Ler 993 vezes

Deixe um comentário

Make sure you enter all the required information, indicated by an asterisk (*). HTML code is not allowed.

Parceiros Educacionais

National Geographic   Discovery Channel    

Parceiros Tecnológicos


Teksmartit     IB6 WS CONSULTING

Usamos cookies para melhorar nosso site e sua experiência ao usá-lo. Os cookies utilizados para o funcionamento essencial deste site já foram definidos. To find out more about the cookies we use and how to delete them, see our privacy policy.

  I accept cookies from this site.
EU Cookie Directive Module Information